terça-feira, 7 de fevereiro de 2012

Não para nunca.... bora andá !

Galera tudo certo ?

Num post passado eu fiz um vídeo rapidinho com fotos sobre a ação que fizemos.

Mas estávamos esperando é este registro um documentário feito por João Augusto Neves.

Compartilho com vocês e queria dizer que as pessoas que cruzam seu caminho não é por a caso. Fortifiquem seus laços, fortifiquem novos laços. Não quero dizer para ter posse do outro, ficar grudado.

Seja livre para novas experiencias.

Quando se conectar verão que combinando experiencia e talentos iram transformar o mundo AGORA. Acreditem no poder da diversidade e da união. Deixem brilhar sua essência e divirtam-se.



Oasis Uberlândia - Revolução from João Neves on Vimeo.


Grande abraço a todos.

Jack



quinta-feira, 19 de janeiro de 2012

Caminho mais feliz!

Olá pessoal.

Esses dias eu percebi outras coisa em meu caminho. Venho afirmando em alguns posts que vou andando pra não perder a beleza da paisagem.

Continuo acreditando nisto, porém hoje percebi que se nós treinamos nosso olhar para as belezas e ter a humildade de compreender a nossa capacidade e incapacidade, nós podemos controlar esta velocidade do andar ou correr, sem perder nada no caminho. Isso é conhecer a nós mesmo, nosso potencial e nossos limites.

Eu tive este pensamento no meu momento de elevação espiritual agora pela manhã (meditação), após ler esta mensagem abaixo, que mais uma vez conectou aos aprendizados dos passos dos guerreiro.

Eu li esta mensagem escutando Mantra de Krishna. Valeu a pena ; )


Link da mensagem:


"Seu planeta precisa da sua luz exatamente agora - e eu quero dizer AGORA."

"Não se trata de fazer nada especial, trata-se de ser o ser especial que vocês já são. Esta mudança conhece sua luz e está permitindo que sua luz seja emitida para o mundo."

Conexão das pessoas (seu vizinho), conexão do aprendizado (cotidiano), conexão com o divino (compartilhar a luz que vocês são) ..... parece simples espalhar LUZ. O difícil é a gente nos permitir enxergar, nossa percepção esta turvada pelo preconceito.

Aprenda a desaprender. Eu to tentando =). Bora andá?

Forte abraço a todos e muita LUZ no caminho de vocês.

Jack

quinta-feira, 12 de janeiro de 2012

Início de ano aproveitando as transformações.

Olá pessoal bom ano para todos. =)

Nesse início de ano que muitas coisas novas acontecendo, muita novidade interna gerada pelo caminho que venho seguindo. O sonho esta cada vez mais perto e mais concreto. Mas algumas coisas que ficaram para trás , ainda estão pegando no meu pé. Uma delas foi o reciclar.

No ultimo post eu disse que não mudaria nada no meu caminho e reafirmo isso. Porque se fosse diferente meu aprendizado também seria outro. Eu aprendi o que precisava ser aprendido por isso valorizo muito os erros como sinais dos pontos onde devo focar para melhorar ainda mais.

Bom eu não fiquei satisfeito somente com a coleta seletiva. Eu já havia entendido que era necessário e sabia como fazer, mas algo me incomodava. Eu descobri que era a integração das ações. Como no processo sustentável todos os pilares precisam estar alinhados para que algo realmente aconteça, para você ter uma vida integrada suas ações também devem ser assim.

Estava com dificuldade de conectar todo aprendizado, mas agora chegou a peça que faltava. Acredito muito mais no aprendizado natural com o exemplo que no aprendizado forçado por uma teoria. Mais um motivo pra eu estar ainda no caminho do guerreiro.

A transformação interna é realmente compreendida quando você vê que sua vida já é outra.

Exemplos


Vou andando para não perder a beleza da paisagem, mas sempre andando.

Bora andá.

Jack

sábado, 31 de dezembro de 2011

Passo 6 - Belo Caminho



Gostaria de iniciar este post com esta música que me acompanhou todos os dias do caminho do guerreiro. Escutava diariamente, e me guiou tanto nos passos, quanto nesses últimos meses da minha vida. Dedico este post a Larissa (Lari), a pessoa que apresentou esta música e quem vem compartilhando em ótimas conversas, as experiências "simples".



VOCÊ NO JOGO! O JOGO EM VOCÊ !

Entrei no jogo. Confesso que tinha um pouco de dificuldade para cumprir os prazos, porém quando jogava o melhor de mim que estava agindo. Lembrei quando meu pai dizia: “Não quero que você tire 10 em todas as provas, quero que você de seu máximo.” Sempre quando eu saia das provas eu pensava: “Não dei o meu máximo”. Na faculdade cheguei perto, porém ainda fiquei com gostinho de quero mais. Até quando descobri que não era eu quem não dava o máximo, mas que aprendia muito e o potencial se expandia junto com aprendizado. Dar o melhor de si não é uma constante e sim uma variável e quanto mais aprende maior é seu potencial.

Eu estava crente que com esse raciocínio eu tinha encontrado a solução de como dar o melhor de mim. Ai me aparece um tal de Guerreiros Sem Armas, e da um “UP” em meu raciocínio. É bom saber qual seu potencial e como atingir ele, porém o seu MÁXIMO, aquele que meu pai tentou me explicar quando eu era criança, você não consegue calcular. No caminho do guerreiro teve um momento antes da ultima ação que parecia que eu não tinha controle de nada, as coisas estavam acontecendo naturalmente. Reuniões, pessoas novas, aprendizado, conexões, tudo de uma forma que nunca tinha visto. Fiquei surpreso porque tudo que eu precisava fazer pro “Guerreiros” não me consumia como uma reunião de negócios, trazia muito sentimento de realização e de realmente estar vivendo um dia por vez. Eu dormia sem saber exatamente o dia de amanhã, mas muito feliz pelo dia que tinha passado.

Não mudaria minha atitude durante o jogo, fui além, e descobri que podemos realizar milagres, este é nosso máximo. Isso veio de encontro ao que meu pai me ensinou quando criança... =) pode ter certeza que não aprendi com a razão, já esta dentro do meu coração, eu só precisava acreditar como quando criança. Não vejo, não ouço, mas sinto e acredito.

MINHAS INTENÇÕES

O Guerreiros é um tipo de experiência que nunca tive na minha vida. Pensei: Por que acredito tanto que estou no caminho certo? Porque aconteceram transformações próximas ao primeiro amor. A vontade de descobrir mais e aproveitar cada momento de felicidade e prazer, vivendo algo que você acredita.

MEU COMPROMISSO

No primeiro vídeo do blog eu escrevi que eu fiquei com a vontade de espalhar. E o meu compromisso é de fazer isso da melhor forma possível, através de qualquer ferramenta que eu possa usar a palavra, o sorriso e a diversão, com propriedade, amor, e energia. Articulando em cada canto que eu for a melhor forma de transformar o mundo.

Grande Abraço

Jack

sexta-feira, 16 de dezembro de 2011

Semana

Esta semana aconteceu algo inesperado. As pessoas que se uniram para trocar suas experiências e sonhos pareciam estar destinadas a se conectarem. Cada um do seu jeito e com seu talento contribuiu para que tudo acontecesse.

O descobrimento, o envolvimento, as ações, as antigas relações afloraram no momento certo deste caminho.

A receptividade e a alegria das pessoas envolvidas, cada sorriso da comunidade quando encontrávamos um novo recurso que transformaremos em alegria e realização foi algo diferente que nunca tinha visto.

Cada palavra da conversa que abria novas portas e estimulava o imaginário para que pudéssemos ir além, foi uma boa surpresa que naturalmente aconteceu. O plano que era simples gerou uma movimentação maior que o esperado e hoje quando parei para refletir sobre, percebi que cada pessoa e cada caminho que se cruzou fez de uma ação de rearborizar a realização de um sonho maior e coletivo.

Marina não deu para segurar foi natural OASIS.

Expectativa de que amanhã aconteça algo dentro de mim que nunca poderia ter imaginado ou planejado, apenas sonhado. Sonhado? Talvez tenha encontrado a resposta para muitas perguntas. Não tenha medo de perguntar qual seu sonho e não tenha medo de dar o primeiro passo para realização.

Difícil segurar as lágrimas refletindo sobre tudo que aconteceu esta semana, amanhã começa o MILAGRE.

http://youtu.be/wCGdSPm4O7M

Forte Abraço

Jack

segunda-feira, 12 de dezembro de 2011

Encontros. Domingo produtivo!


Ontem aconteceu o encontro com os moradores de bairro Zaire Resende. Tivemos um conversa muito agradável, fizemos planos coletivos e listamos os recursos.





Após este encontro fomos convidados, pelo João para uma reunião com jovens, para discutirmos melhorias, participação na comunidade e tive a oportunidade de expor esta ação que estamos realizando. Foi uma grande surpresa. Interessante como os caminhos se cruzaram.

Nesta reunião estavam presentes lideres comunitários e pessoas ligadas a uma ONG do bairro. Apresentações e debates as pessoas se dispuseram a participar e ajudar nesta ação junto a comunidade.


Chegando em casa fui dar uma lida na metodologia do OASIS para tirar algumas dúvidas e percebi que esta conexão foi o primeiro passo para a etapa da re-evolução. Conectar pessoas atuantes na comunidade para ações futuras. Tive que revisar a metodologia, pois acreditava que já estávamos realizando esta etapa e acabei percebendo que é apenas o primeiro passo.

Agora vem o momento da ansiedade e do frio na barriga, fui pedir algumas dicas para pessoas que me inspiraram seguir este caminho. Herbert, Leo Duarte e Marina Soares, foi muito importante tudo que aprendi e vivi com vocês, acredito estar no caminho certo obrigado de coração.



Como este é um plano para rearborizar e deixar mais verde e saudável a praça da comunidade, lembrei de uma grande pessoa que conheci no OASIS BH. Apresento pra vocês Naldo Alves.


Ele me deu muita dica das melhores plantas e as formas que podemos criar uma harmonia e deixar ainda mais agradável e funcional o ambiente. Ele se dispôs a vir até Uberlândia ajudar. Porém ele é de Santos e como sabemos é um pouco distante daqui. Quem puder contribuir para conseguirmos a passagem para trazer esta grande experiência OASIANA, por favor entre em contato. Gostaria que vocês tivessem a oportunidade de conhecer e aprender muito com esta grande pessoa. Boas energias Naldo, grande abraço.


Segue a lista de recurso quem puder ajudar entre em contato.

http://www.sendspace.com/file/5kms5d


Motivação do Dia




Forte Abraço

JACK